12 abr 2007

ELE MERECE

Para mim, Diego, o “Alemão” do BBB 7, não merecia o prêmio de 1 milhão de reais. Por vários motivos.

Apesar de carismático (e isso não o isenta de absolutamente nada), ele foi arrogante, prepotente, incoerente, descaradamente favorecido pela edição, fez tipinho para as câmeras (ou para “o Brasil”, como preferia), falou absurdos impublicáveis e deu os piores exemplos sempre dois segundos antes de choramingar pela “mamãe” ou entoar os valores do “papai”. Isso sem mencionar que o rapaz confessou, no ar, nunca ter enviado carta e/ou fita para participar do programa.

Pois bem. Apesar de tudo, mudei de idéia.

Ele merece. Dois milhões até!

Afinal, o coitado passou uma semana morando na mesma casa que um argentino, virou símbolo sexual da Sônia Abrão, sofreu um show do Paulo Ricardo ao vivo e ainda vai ter de aturar a Íris depois do programa, quando, aliás, passará a ser (eternamente) mais um ex-BBB.

Vai que é tua, garoto!

comentários
comentários