20 jun 2010

ZANGADO

O ponto alto – ou melhor, baixo – da entrevista coletiva de Dunga, técnico da seleção brasileira, após a vitória de 3 a 1 sobre a Costa do Marfim, foi a discussão com o jornalista Alex Escobar, da TV Globo.

Dunga falava sobre o desempenho de Luís Fabiano e criticava a imprensa, dizendo que vários jornalistas, já na 1ª rodada da Copa, teriam pedido a barração do atacante. Ao mesmo tempo, Escobar balançou a cabeça negativamente enquanto falava ao celular com Tadeu Schmidt sobre outro assunto. Dunga imaginou que a negativa era para ele, não gostou e perguntou: “Algum problema?”.

Surpreso, Escobar respondeu com outra pergunta: “Eu?”. Quando Dunga confirmou, o jornalista ainda disse: “Não estou nem olhando para você, Dunga.”.

A partir daí, o treinador ironizou o jornalista – “Ah, bom. Pensei que tinha.” – e passou a xingá-lo durante o restante da coletiva sussurrando no microfone: “Seu merda! Cagão! Cagão! Cagão!”.

Bom exemplo: essa moda pega.

comentários
comentários